Blog

Osteoporose: como cuidar dos ossos?

Eles têm fama de fortes, mas precisam de cuidados.

O recente Dia Mundial e Nacional da Osteoporose (20 de outubro) nos lembrou da importância de se prevenir contra essa doença silenciosa, mas preocupante, já que, na maioria dos casos, só é notada quando culmina numa fratura óssea.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), a doença afeta cerca de 200 milhões de mulheres mundialmente.

Já, segundo a Federação Internacional da Osteoporose (IOF), a doença causa mais de 8,9 milhões de fraturas por ano em todo o mundo. Além disso, pesquisas da instituição revelam que “1 em cada 3 mulheres com mais de 50 anos sofrerão fraturas osteoporóticas, assim como 1 em cada 5 homens com mais de 50 anos”.

 

Mas o que é osteoporose?

A osteoporose é uma doença que provoca a perda progressiva de massa e densidade óssea. Com essa condição metabólica, o organismo não consegue repor a camada óssea na mesma velocidade que a absorção dela pelo próprio corpo.

 

Quais suas consequências?

A consequência desse processo são os ossos frágeis e quebradiços que, com o avanço da idade, aumentam os riscos de fraturas como de punho, braço, quadril, coluna, bacia e fêmur.

 

Quem ela atinge?

A osteoporose atinge geralmente mulheres acima dos 45 anos, porém essa estatística tem alimentado o mito de que seja uma “doença feminina”.

Embora a proporção seja de seis mulheres para cada homem acima dos 50 anos, a partir dos 60 anos essa diferença cai para duas mulheres a cada homem.

 

Quais os principais sintomas?

  • Dores nas costas, principalmente na região lombar;
  • Dores no pescoço;
  • Dores “ósseas”;
  • Fraturas recorrentes (ossos quebram com mais facilidade);
  • Postura curvada;
  • Diminuição da estatura (perda de altura corporal).

 

Como se prevenir?

  • Caminhe frequentemente;
  • Evite o consumo de café e bebidas alcoólicas;
  • Consuma alimentos ricos em cálcio como leite, queijos, cereais integrais, brócolis, sardinha, espinafre, nozes, castanhas, linhaça, tomate, cogumelos;
  • Mais sucos naturais e água mineral, menos refrigerantes e bebidas alcoólicas ou ricas em cafeína;
  • Pratique atividades físicas diariamente;
  • Tome sol diariamente por 15 a 20 minutos, antes das 10 horas ou após as 16h;
  • Não fume;
  • Com acompanhamento de nutricionista e/ou médico, suplemente sua dieta com alimentos ricos em cálcio, vitamina D e colágeno.

 

Conclusão

A osteoporose é uma doença que pode comprometer seriamente a qualidade de vida, infelizmente num período da vida em que todo movimento, cada aspecto da capacidade física, é essência à autonomia.

Por isso, ao entrar na terceira idade, solicite os exames preventivos ao seu médico e faça um acompanhamento com o nutricionista.

Com bons hábitos e uma alimentação balanceada, você reduz riscos e retarda o envelhecimento!

***

As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e não devem substituir uma consulta ao médico ou qualquer tratamento de condições médicas. O conhecimento contido aqui não se destina a tratar, curar ou diagnosticar doenças. Diante de qualquer dúvida, consulte seu médico e/ou nutricionista.

***

Vamos em frente?

Continue a explorar o nosso site.

logo-melcoprol.svg
Rua Wilmar Marcos Thomazini, n° 25
Pólo Industrial | CEP 29830-000
Nova Venécia/ES
© Copyright 2021 Grupo Melcoprol.